Make your own free website on Tripod.com

Home

MATÉRIAS Nº 1 | MATÉRIAS Nº 2 | MATÉRIAS Nº 3 | PROJETO FARMÁCIA VIVA | Educação Ambiental | Lei de Educação Ambiental | Espécies Vegetais Brasileiras Ameaçadas de Extinção | Receitas com Plantas Medicinais | Plantas Daninhas na Medicina caseira | Plantas do Cerrado e do Pantanal | Nomes Científicos das Plantas Medicinais
PROJETO "A CURA PELAS PLANTAS"
MATÉRIAS Nº 3

artigo2.jpg

A foto do crime
Caçadores de jacarés matam os animais para consumirem apenas a cauda, a carcaça do animal é jogada fora.
(Foto de uma aluna do Cursinho Popular, tirada no pantanal do Mato Grosso do Sul.)

artigo2.jpg

artigo2.jpg

Vamos falar sério?

Você está disposto a dar sua contribuição para salvar sua vida, de todos os Homens e do planeta ?

O mundo está soando o alarme para o maior problema deste século: a falta de água.

A disponibilidade deste recurso precioso foi reduzido, por habitante, em 60% nos últimos 50 anos. Atualmente, 60 países já vivem em guerra pela água, afetando cerca de 232 milhões de pessoas. Esta realidade cruel não está distante de nós. 0 Brasil é titular de 1/3 do desperdício universal da água tratada e encanada, atingindo um percentual de 40%. Dispõe de mais de 100 mil cursos d'água, todos poluídos em algum grau. E mais! 50% das praias brasileiras estão contaminadas por esgotos, vazamentos de petróleo ou lixo tóxico.

Não contribua para este mal!
Se todos nós economizarmos, os riscos de falta d'água serão retardados. Não só economizar mas, essencialmente, deixar de poluir, seja por despejos domésticos ou industriais, o que gera graves problemas à qualidade de vida e à saúde das populações. 72% dos leitos hospitalares são ocupados por pacientes vítimas de doenças transmitidas através da água.

A história do Homem é a história de sua relação com o meio ambiente, no qual trabalha e transforma em busca de alimento, habitação, energia e matéria prima para adquirir bem-estar e tranqüilidade que lhe proteja o presente. Mas e o amanhã?

"Tudo que acontecer à terra acontecerá aos filhos da terra".
A destruição é irreversível! Mas sua consciência é recuperável!

Observe, escute a natureza. Disposição e organização são importantes. Se agirmos, individualmente ou em grupo, teremos mais força para garantir um futuro melhor para as novas gerações.

Ainda há tempo. Acorda, Brasil! Acorda, cidadão!
JUNTE -SE A NÓS
Tel.:(61)317-1300

srh@mma.gov.br

artigo2.jpg

artigo2.jpg

Declaração Universal dos Direitos da Água

1 - A água faz, parte do patrimônio do planeta. Cada continente, cada povo, cada nação, cada região, cada cidade, cada cidadão é plenamente responsável aos olhos de todos.

2 - A água é a seiva do nosso planeta. Ela é a condição essencial de vida e de todo o ser vegetal, animal ou humano. Sem ela não poderíamos conceber como são a atmosfera, o clima, a vegetação, a cultura ou a agricultura . 0 direito à água é um dos direitos fundamentais do ser humano: o direito à vida, tal qual é estipulado no Art, 30 da Declaração Universal dos Direitos do Homem.

3 - Os recursos naturais de transformação da água em água potável são lentos, frágeis e muito limitados. Assim sendo, a água deve ser manipulada com racionalidade, precaução, e parcimônia.

4 - 0 equilíbrio e o futuro de nosso planeta dependem da preservação da água e dos seus ciclos. Estes devem permanecer intactos e funcionando normalmente, para garantir a continuidade da vida sobre a Terra. Este equilíbrio depende, em particular, da preservação dos mares e oceanos por onde os ciclos começam.

5 - A água não é somente uma herança dos nossos predecessores, ela é sobretudo um empréstimo aos nossos sucessores. Sua proteção constitui uma necessidade vital, assim como uma obrigação moral do Homem para com as gerações presentes e futuras.

6 - A água não é uma doação gratuita da natureza, ela tem um valor econômico: é preciso saber que ela é, algumas vezes, rara e dispendiosa e que pode muito bem escassear em qualquer região do mundo.
7 - A água não deve ser desperdiçada, nem poluída, nem envenenada. De maneira geral, sua utilização deve ser feita com consciência e discernimento, para que não se chegue a uma situação de esgotamento ou de deterioração da qualidade das reservas atualmente disponíveis.

8 - A utilização da água implica o respeito à lei. Sua proteção constitui uma obrigação jurídica para todo o homem ou grupo social que a utiliza. Esta questão não deve ser ignorada nem pelo Homem nem pelo Estado.

9 - A gestão da água impõe um equilíbrio entre os imperativos de sua proteção e as necessidades de ordem econômica, sanitária e social.

10 - 0 planejamento da gestão da água deve levar em conta a solidariedade e o consenso em razão de sua distribuição desigual sobre a Terra.

artigo2.jpg

artigo2.jpg